Contrate Preguiçosos
Editora:

Contrate Preguiçosos

R$19,90
-+
Disponibilidade: Em estoque
Simular Frete Cep
Calcular





Descrição

Orientações e conselhos simples e objetivos para humanizar e potencializar as relações no espaço corporativo.

Seu ambiente de trabalho pode ser uma selva, mas você não precisa matar para sobreviver.

A concorrência está acirrada, as metas do mês parecem inalcançáveis e, para completar, os boatos mais fortes na rádio corredor dão conta de que tem reengenharia (tradução: corte de pessoal) a caminho. Ninguém dá um passo no escritório sem vasculhar embaixo da mesa para ver se há alguém à espreita, pronto para puxar o tapete. Nas reuniões da diretoria, a atmosfera é tão carregada que seria possível até cortá-la com uma faca ? o que só não acontece porque a copeira foi demitida na semana anterior e ninguém sabe onde ela guardou os talheres.

Descontados os exageros, é este o ambiente de trabalho em que muita gente vive. Ou melhor, sobrevive. Os relacionamentos são diretamente afetados, e o processo logo descamba para a competitividade exacerbada, voraz. O mais grave é saber que tanta tensão e estresse extrapolam as salas dos executivos e invadem, por tabela, também seus lares e suas comunidades.

Antes de agendar seu próximo enfarte ou trocar de antidepressivo, fique sabendo que é possível ser um gestor ou executivo de sucesso sem ter de participar dessa roda-viva. Em Contrate preguiçosos, Eduardo Cupaiolo entrega o que o subtítulo promete: orientações e conselhos simples, objetivos ? alguns deles nada ortodoxos, a começar pelo do título ? para humanizar e potencializar as relações no espaço corporativo.

Numa compilação de textos leves, descontraídos, bem-humorados ? mas nem por isso superficiais, pelo contrário ?, o autor alia a vasta experiência como consultor de grandes corporações brasileiras e multinacionais com a habilidade de palestrante para sugerir uma atitude mais positiva e um novo modelo de gestão organizacional, em que gente vale mais que qualquer patrimônio.

Sobre o autor
Eduardo George Cupaiolo é diretor de Serviços de Desenvolvimento e Treinamento da Peopleside, empresa de consultoria dedicada a desenvolvimento humano e organizacional. Possui MBA pela Fundação Dom Cabral, com concentração em Gestão de Pessoas em programas conjuntos com Kellog University e Insead. É especialista em Liderança pelo Haggai Advanced Leadership Institute, em Cingapura; em Gestão de Projetos de Transformação Organizacional por organizações dos Estados Unidos e da Europa; e em Administração de Mudanças pela ODR, nos Estados Unidos.

Palestrante de prestígio, Eduardo Cupaiolo ministra dezenas de cursos e seminários dirigidos a executivos e gestores de algumas das mais importantes organizações do país, como os bancos Bilbao Viscaya, Bradesco e Itaú, a Bradesco Seguros, a Brasilprev, a Compaq,  a Refal (Grupo Black & Decker), a Ernst & Young Auditores, a Fuji Film, a HP Brasil, a IBM Brasil, a Microsiga, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, o Senai e a Visanet.


"Inteligente e direto! Sem deixar de lado o senso de humor, os temas abordados por Eduardo Cupaiolo em Contrate preguiçosos nos fazem refletir profundamente sobre como muitos de nós enxergamos o mundo corporativo. Em sua abordagem sobre o potencial existente em cada ser humano, encontramos uma valiosa fonte de inspiração para fazer de nossas empresas, muitas vezes frias e calculistas, um lugar melhor para trabalhar, onde as pessoas possam ser respeitadas pelo que são, e não pelo que achamos que sejam, e onde possam encontrar a real motivação para oferecer o que têm de melhor, a começar por cada um de nós."
Christian Lubascher
Vice-presidente de Vendas e Marketing para a Europa
Divisão Industrial ? Emhart Teknologies, empresa do grupo Black & Decker


"Eduardo inspira os leitores a identificarem o papel do SER HUMANO como figura central das organizações. A linguagem recheada de humor e vivência proporciona fácil absorção de conceitos que fazem diferença na gestão de pessoas."
Mario Cássio
Diretor da Linces Vistorias

"Se você quiser trabalhar com verdadeiros líderes, compre e leia! Entretanto, se precisa de líderes em sua empresa, este livro é o ponto de partida."
Norberto Colla
Diretor de Tecnologia da Informação e Logística do Grupo Angeloni

"Inteligente, estimulante e desafiador. Deixa claro que o novo caminho passa necessariamente pela valorização do ser humano."
Odir Pereira
Presidente do Instituto de Liderança do Brasil ? ILB

"Após a leitura do livro, dei-me conta de um sem-número de dicas importantes e que passam despercebidas por quase a totalidade de pessoas que lidam com o assunto ?gente? em empresas. Acredito numa contribuição sensível para qualquer leitor que, curioso, queira desvendar alguns mistérios que rondam os assuntos tratados. Parabéns pela coragem de colocar sua ?cara? na obra, mas este tem sido seu grande objetivo."
Pedro Mandelli
Mandelli e Associados Consultoria Empresarial

"Com coerência, consistência e humor, o livro nos ajuda a trilhar o tênue caminho entre a valorização das pessoas, que gera resultados, e o paternalismo, que leva o ser humano à estagnação."
Ocimar Melloni
Gerente da Gestão da Qualidade da Masa da Amazônia Ltda.

TAGS
Especificações
Editora: Mundo Cristão
Tipo de Produto: Brochura
Autores: Eduardo Cupaiolo (Autor Cristão)
Edição: Edição
Ano: 2004
ISBN: 85-7325-410-6
Páginas: 160
Tamanho do Arquivo: 14x21
Linguagem: Português


Perguntas (0)

Faça uma pergunta sobre este produto

Não quero que minha pergunta seja publicada.

Comentários (0)

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado!
    Ruim           Bom



Ofertas válidas enquanto durarem nossos estoques. Todos os preços e condições comerciais estão sujeitos a alteração sem aviso prévio. A simples inclusão de um produto no "carrinho de compras" não implica na efetivação da compra. Desta forma, sempre prevalecerá o preço do produto vigente no momento da "finalização" da operação de compra pelo consumidor, no caso de alteração de preço entre a data de sua colocação do "carrinho de compras" e a efetivação da compra. A inclusão do produto no "carrinho de compras" também não implica em sua reserva pelo consumidor, estando o mesmo sujeito a eventual término dos estoques.