Evangélicos em crise
Editora:

Evangélicos em crise

R$38,80
-+
Disponibilidade: Esgotado
Simular Frete Cep
Calcular





Descrição

Uma mensagem urgente para o evangélico que se preocupa com a qualidade de sua crença.

Crescimento e caos

A população evangélica do Brasil vem crescendo vertiginosamente. Já somos a terceira maior população evangélica do mundo. Damos graças a Deus por isso. No entanto, esta multiplicação explosiva traz conseqüências preocupantes. A igreja passa a ser vista por alguns como um "grande negócio". Isto suscita oportunistas, enganadores e aqueles que Cristo tachava de "falsos profetas". Estimula também os bem-itencionados que, mal preparados teologicamente, lotam e ensinam doutrinas estranhas e destrutivas. Há grandes exageros em alguns ensinamentos relativos à maldição hereditária, por exemplo, assim como nas áreas da guerra espiritual, da teologia do domínio, da teologia da prosperidade, das curas e dos milagres etc. As vítimas desses ensinamentos são milhões de novos convertidos que mal conseguem discernir entre ortodoxia e heresia.

Neste livro elucidativo, Paulo Romeiro apresenta uma mensagem urgente para o evangélico que se preocupa com a qualidade de sua crença. No espírito de amor cristão, ele aponta e documenta dezenas de ensinamentos questionáveis, e sugere o caminho da sensatez espiritual. Inclui um guia de discernimento para aqueles que questionam o que ouvem.

Evangélicos em crise é leitura obrigatória para todos que se importam com o crescimento da Igreja no Brasil.

TAGS
Especificações
Editora: Mundo Cristão
Tipo de Produto: Brochura
Autores: Paulo Romeiro (Autor Cristão)
Edição: Edição
Ano: 2006
ISBN: 85-7325-013-5
Páginas: 288
Tamanho do Arquivo: 16x23
Linguagem: Português


Perguntas (1)

Faça uma pergunta sobre este produto

Não quero que minha pergunta seja publicada.

Comentários (0)

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado!
    Ruim           Bom



Ofertas válidas enquanto durarem nossos estoques. Todos os preços e condições comerciais estão sujeitos a alteração sem aviso prévio. A simples inclusão de um produto no "carrinho de compras" não implica na efetivação da compra. Desta forma, sempre prevalecerá o preço do produto vigente no momento da "finalização" da operação de compra pelo consumidor, no caso de alteração de preço entre a data de sua colocação do "carrinho de compras" e a efetivação da compra. A inclusão do produto no "carrinho de compras" também não implica em sua reserva pelo consumidor, estando o mesmo sujeito a eventual término dos estoques.